Nova pagina 1

Rússia convida Talibã para reunião com China, Irã, Paquistão e Índia

A Rússia vai convidar os talibãs para negociações internacionais sobre o Afeganistão, em Moscou, em 20 de outubro – anunciou o enviado do Kremlin, Zamir Kabulov, nesta quinta-feira (7), citado por agências de notícias russas.

Ao ser questionado pelos jornalistas sobre se o Talibã seria convidado para a reunião, que terá representantes de China, Irã, Paquistão e Índia, Kabulov respondeu “sim”. Não especificou quem, do governo talibã, seria convidado.

Esta conferência internacional acontecerá na sequência de uma cúpula extraordinária do G20, em 12 de outubro, dedicada à crítica situação humanitária no Afeganistão.

Nesta quinta-feira (7), Kabulov disse que a Rússia estuda modalidades concretas para enviar ajuda humanitária para o Afeganistão.

O “material” está sendo recolhido para ser transferido, afirmou.

O grupo Talibã assumiu o controle de Cabul em agosto passado, ao final de uma rápida ofensiva contra o governo apoiado por países ocidentais.

Duas décadas depois de serem expulsos do poder pelos Estados Unidos, os fundamentalistas voltaram ao comando do país, deflagrando uma série de problemas de segurança, principalmente para os Estados vizinhos.

A Rússia tem muito interesse na situação no Afeganistão. O país foi ocupado durante dez anos pelas forças soviéticas até sua retirada em 1989, ao fim de guerra sangrenta. Moscou considera o movimento talibã como terrorista, mas mantém o diálogo com ele há anos. (Clique aqui e assista o vídeo do R7)

Faça o primeiro comentário a "Rússia convida Talibã para reunião com China, Irã, Paquistão e Índia"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*