Da FolhaPE

Um vídeo que circula nas redes sociais desde essa terça-feira (8) mostra dois homens emitindo comentários xenofóbicos contra nordestinos e nortistas. Eles estão sentados em uma mesa de bar com outros dois rapazes, que acham graça da cena.

Nenhum deles foi identificado até o momento e a Polícia Civil de Pernambuco, através da Delegacia de Repressão aos Crimes Cibernéticos, trabalha no rastreio da origem do material para localizar onde as imagens foram gravadas e quem são os homens que aparecem no vídeo.

Em tom de piada, os homens comemoram a eleição do presidente Jair Bolsonaro e afirmam que “não vão mais suportar” os nordestinos e os nortistas. “Eu queria só dizer o seguinte, galera: agora que o Bolsonaro ganhou, graças a Deus, ele vai excluir os nordestinos do grupo. (…) Agora é ‘faca na caveira’”, diz, exaltado, o primeiro homem que fala no vídeo. “A gente não vai mais suportar esse pessoal do Acre, esse pessoal de Roraima, esse pessoal do Nordeste”, acrescentou.

Em seguida, um outro membro do grupo, vestindo uma camisa do clube de futebol Atlético Mineiro, segue com as declarações ofensivas. “Essa galera do Nordeste tem que parar de gastar o dinheiro que o Sudeste produz!”, fala, aos risos. O primeiro homem volta a aparecer nas imagens e concorda com o que foi dito. “Exatamente! A gente está cansado de produzir e essa mula, não sei o quê, não tem água”, finaliza.

Na publicação original, que alcançou a marca de 500 mil visualizações e mais de 20 mil compartilhamentos em 24 horas, os comentários são de revolta e repulsa contra as falas dos homens. “A gente do Nordeste pega pesado pra sobreviver e dá o básico aos nossos filhos”, retrucou uma internauta. “Quero punição pra eles”, disse outro.

“Isso é xenofobia. Vamos denunciar, meu povo. Não vamos deixar, juntos somos mais”, acrescentou outro. A delegacia, que ainda recolhe informações para uma possível abertura de inquérito, deverá se pronunciar até o fim desta semana sobre o andamento do caso