Nova pagina 1

Em convenção de Paulo, Humberto garante união em prol de Lula

Humberto Costa (PT) ainda definiu a atual gestão federal como ‘incompetente’ e defendeu união entre PT e PSB

 O senador Humberto Costa declarou que os integrantes da chapa estão “unidos em prol da candidatura de Lula à presidência”.  / Sérgio Bernardo/JC Imagem

O senador Humberto Costa declarou que os integrantes da chapa estão “unidos em prol da candidatura de Lula à presidência”.

Após o PT de Pernambuco aprovar o retorno à Frente Popular depois de seis anos de rompimento entre os petistas e o PSB, o senador Humberto Costa (PT), que disputará a reeleição na chapa do governador Paulo Câmara (PSB), afirmou que a chapa majoritária estará unida em torno da candidatura ao Planalto do ex-presidente Lula (PT). A declaração ocorre apesar da Executiva do PSB ter anunciado que irá se manter neutro e não apoiará candidatura alguma à presidência da República.

Humberto criticou o governo Michel Temer (MDB). “Nesse palanque que apoia Lula, vai junto conosco a possibilidade de superar esse momento difícil para o Brasil, com esse governo incompetente de Michel Temer”, declarou o senador.

Humberto ainda explicou que acredita na candidatura de Lula, uma vez que “não há obstáculo legal para impedi-lo”, segundo o próprio candidato ao Senado afirmou durante discurso na convenção.

Chapa

Boa parte do discurso de Humberto foi dedicada a explicar a aliança entre o PT e o PSB. E também porque disputaria o senador ao lado do deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB), anti-petista histórico. Segundo o senador, a aliança é importante para unir a esquerda em Pernambuco e dar suporte à candidatura de Lula.

Humberto também teceu elogios a Paulo pela atuação nos últimos quatro anos de mandato e disse que, mesmo na oposição, nunca faltou ao governador.

A coligação é formada por PSB, PT, MDB, PCdoB, PSD, PR, PP, Solidariedade, PPL, PMN, Patriotas e PRP. A deputada federal Luciana Santos (PCdoB) será a vice. A convenção estadual do PSB ocorreu no Clube Internacional do Recife.

GALERIA DE IMAGENS

Legenda
Anteriores
  • Foto%3A%20S%E9rgio%20Bernardo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20S%E9rgio%20Bernardo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20S%E9rgio%20Bernardo/JC%20Imagem
  • Foto%3A%20S%E9rgio%20Bernardo/JC%20Imagem
Próximas

Marília rifada

PT e PSB só se coligaram em Pernambuco após os petistas rifarem a candidatura ao governo da vereadora do Recife Marília Arraes (PT), com aval do próprio Lula. Marília era uma ameaça à reeleição de Paulo.

Em contrapartida, o PSB retirou a candidatura do ex-prefeito de Belo Horizonte Márcio Lacerda, para entrar na aliança do governador Fernando Pimentel (PT).

Marília ainda tentou resistir a tentativa de retirá-la da disputa. Um recurso dela foi rejeitado pelo diretório nacional do PT, mesmo após ela vencer com 230 por 251 votos o encontro regional de tática eleitoral do partido em Pernambuco. O PT nacional deseja que ela seja candidata a deputada federal.

Lula é candidato, mas sem vice

Em convenção nacional, o PT confirmou nesse sábado (4), na capital paulista, a candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República. A escolha foi por aclamação.

O partido não decidiu quem será o vice na chapa com Lula. Ficou definido que serão realizadas caravanas saindo de todos os estados até Brasília no dia 15 de agosto, prazo final para apresentação de pedidos de registro de candidaturas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Fonte JC

Faça o primeiro comentário a "Em convenção de Paulo, Humberto garante união em prol de Lula"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*