Nova pagina 1

“A CULPA É DA POPULAÇÃO; É DA CRISE; É DA CELPE E DA LICITAÇÃO ”, diz o secretário Orlando Parente sobre o Problema da Iluminação Pública em Salgueiro.

Neste dia 30/11/2017, o Secretário de Serviços Públicos do Município de Salgueiro, o Sr. Orlando Parente, compareceu a Câmara de Vereadores de Salgueiro, após convite para prestar esclarecimento sobre o problema da iluminação pública do Município.

Após 11 meses à frente de sua pasta, questionado sobre a sua gestão ,principalmente quanto a iluminação pública, o secretário distribuiu culpa para todo mundo, menos para ele mesmo e sua secretaria, citando inclusive falta de pessoal para trabalhar.

Iniciou culpando a crise econômica, dizendo que hoje possui muito menos dinheiro na sua secretaria que nos anos anteriores.

Foi bastante incisivo ao afirmar que realizava substituição de lâmpadas logo após, dias depois estavam todas quebradas, citando especificamente uma rua em frente a Oficina de Luiz Leite e o Distrito de Conceição das Crioulas. Neste caso, afirmou que ao terminar o serviço de substituição de lâmpadas, foi parado por um morador que disse ter pena do mesmo, já que poucos dias depois todas as lâmpadas substituídas seriam quebradas novamente.

Neste mesmo ritmo, afirmou que a CELPE, ao receber algumas ruas iluminadas para realizar serviços de manutenção para troca de postes e fiação, as devolveu sem nenhuma iluminação.

Culpou ainda o setor de licitação do município, que segundo ele, resolveu que a licitação iria ser feita de uma forma diferente da anterior, devolvendo os termos de referências que tinha preparado, e no final ainda teve problemas para depois finalizá-la, provocando atraso na prestação do serviço.

Foi mais enfático ainda ao informar que não foi licitado todo o serviço necessário, mas apenas e tão somente a parte de MANUTENÇÃO, não tendo sido realizada a de novas extensões, ou seja, instalação de novas luminárias

Destacou que entrou em contato com o Batalhão de Polícia para tentar colocar trailers em alguns locais que sempre sofrem com a quebra das luzes substituídas, para com isso tentar acabar com o problema.

Ao final, prestou contas do que já foi realizado, com uma média de 20 lâmpadas substituídas por bairro, o que demonstra um número muito abaixo da demanda de uma cidade do tamanho de Salgueiro.

A fala do senhor secretário deixou claro que houve um imenso atraso na prestação do serviço, já que informou que somente há um mês atrás é que iniciaram o serviço de manutenção com a empresa contratada.

Ficou patente também que, somente em 2018 é que deveremos ter um serviço regular de manutenção e que, talvez somente lá para o meio do próximo ano em diante é que poderemos ter a licitação do serviço de extensão, ou instalação de novas luminárias finalizada, para daí o serviço ser iniciado.

Fato é que, o prejuízo para a população é imenso e, estes locais escuros tem sido bastante utilizados para a prática de assaltos nesta cidade.

Esperamos que os culpados, indicados pelo senhor secretário, parem de atrapalhar o serviço da Secretaria de Serviços Públicos, para que possamos ter uma Salgueiro realmente iluminada.

1 comentário a "“A CULPA É DA POPULAÇÃO; É DA CRISE; É DA CELPE E DA LICITAÇÃO ”, diz o secretário Orlando Parente sobre o Problema da Iluminação Pública em Salgueiro."

  1. Amaury Joaquim de Souza | 30/11/2017 às 20:39 | Responder

    Tá de brincadeira com os munícipes! que cumprem com o seu papel de contribuintes de impostos,taxas,e tributos por uma cidade organizada onde o gestor e seus assessores deveriam no mínimo ter um pouco de pudor…

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*