Nova pagina 1

Câmara encerra sessão e adia votação de MP que altera taxa de juros do BNDES

Rodrigo Maia convocou nova sessão para as 9 horas desta quinta-feira (24)

Após votação que demorou mais de uma hora na madrugada desta quinta-feira (24), o Plenário da Câmara rejeitou os destaques simples dos deputados apresentados ao projeto de lei de conversão da Medida Provisória 777/17, que extingue a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) e cria a Taxa de Longo Prazo (TLP) para financiamentos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Em seguida, a sessão foi encerrada. O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, convocou sessão para as 9 horas desta quinta-feira (24) para continuar a votação da matéria.

De acordo com a MP, a TLP será aplicada nos empréstimos a partir de 1º de janeiro de 2018 e terá como base juros de mercado vinculados a um título do Tesouro Nacional (NTN-B) mais a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

 Atualmente, a TJLP é calculada trimestralmente com base na meta de inflação futura para os 12 meses seguintes e em um prêmio de risco definido pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).

O texto do relator, deputado Betinho Gomes (PSDB-PE), prevê que os juros que comporão a TLP juntamente com o IPCA terão cálculo pela média dos três meses anteriores.

A oposição obstruiu os trabalhos desde o começo, às 20h50 de quarta-feira (23), por ser contra uma taxa de financiamentos de longo prazo vinculada ao mercado de títulos, o que encareceria os juros cobrados.

Faça o primeiro comentário a "Câmara encerra sessão e adia votação de MP que altera taxa de juros do BNDES"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*